ESPECIALISTA EM COMMODITIES
DESDE 1989

Atendimento

33 3331 1000

CHARBEL NEWS

Açucar

Açúcar : preços do cristal recua com baixas demanda

09/01/2018 - 9h18

Os preços do açúcar cristal cederam um pouco ,depois de sucessivas altas, nos últimos meses de 2017.Acreditamos numa relativa estabilidade de preços , considerando a entressafra e dólar firme

Charbel Felipe Silva 

Açúcar: preço do cristal recua com baixa demanda

Em São Paulo, na primeira semana de 2018, os preços do açúcar cristal no mercado spot registram nova queda. A demanda, que tem sido menor desde a segunda quinzena de dezembro/2017, período em que o Indicador CEPEA/ESALQ (cor Icumsa de 130 até 180) começou a cair, continua baixa neste início do ano. Esse cenário fez com que algumas usinas cedessem nos valores indicados. De maneira geral, o volume de açúcar captado nas negociações é pequeno. O Indicador CEPEA/ESALQ registra queda de 1,40% nos últimos sete dias, cotado a R$ 66,01 por saca de 50 Kg. Com relação ao andamento da safra 2017/2018, as poucas usinas do estado de São Paulo que ainda estavam em operação na segunda quinzena de dezembro/2017 encerraram a moagem da cana-de-açúcar no final desse mesmo mês.

 

O ano de 2018 se iniciou com as usinas em período de entressafra, e agentes têm dúvidas quanto ao comportamento dos preços do cristal nas próximas semanas. A relação entre estoque e consumo no mercado doméstico e a evolução dos preços internacionais do demerara serão determinantes para os valores do cristal no spot nos próximos períodos. Na Bolsa de Nova York, os preços do açúcar demerara cederam na semana passada, encerrando, na quarta-feira (3/01), um movimento de alta de cinco pregões consecutivos. Os futuros foram pressionados por um movimento de correção e pelo recuo nos valores do barril de petróleo no mercado internacional. Mesmo assim, o contrato com vencimento em março/2018 permaneceu acima dos 15,00 centavos de dólar por libra-peso. A Índia, segundo maior país produtor de açúcar do mundo, registrou forte recuperação na produção da commodity.

 

Segundo a Associação das Usinas de Açúcar da Índia (Isma), no acumulado da safra 2017/2018, iniciada em outubro/2017, até 31 de dezembro, o país produziu 10,326 milhões de toneladas de açúcar, alta de 26% em relação ao mesmo período da temporada anterior. Nos últimos sete dias, o contrato Março/2018 do açúcar demerara registra queda de 0,53% na Bolsa de Nova York, a 15,08 centavos de dólar por libra-peso. Em São Paulo, no atacado, o Indicador de Cristal Empacotado registra queda de 2,23% nos últimos sete dias, cotado a R$ 7,46 por saca de 5 Kg.  Fonte: Cepea. Adaptado por Carlos Cogo Consultoria Agroeconômica.