ESPECIALISTA EM COMMODITIES
DESDE 1989

Atendimento

33 3331 1000

CHARBEL NEWS

Açucar

Açúcar : preços recuam mesmo na entressafra

06/02/2018 - 15h01

As vendas menores do varejo em janeiro e fevereiro  e outros fatores, colaboram para uma menor demanda de cristal, pressionando os preços. Estamos no limite? Provalmente .

Charbel Felipe Silva 

Açúcar: preços recuam mesmo com a entressafra

Em São Paulo, o preço do açúcar cristal negociado no mercado spot iniciou este segundo mês de entressafra no Centro-Sul ainda em queda. Vale lembrar que esse movimento vem sendo observado desde a segunda quinzena de dezembro/2017. A média do Indicador CEPEA/ESALQ (estado de São Paulo, cor Icumsa de 130 até 180) da última semana, de R$ 55,50 por saca de 50 Kg, voltou para o patamar observado em outubro/2017, quando a média real estava em R$ 55,48 por saca de 50 Kg (valores deflacionados pelo IGP-DI de dezembro/2017). A razão para que os atuais preços estejam próximos aos negociados em período de safra continua sendo relacionada à oferta de açúcar, que tem sido suficiente para atender à demanda. Os preços do demerara na Bolsa de Nova York, que também exercem influência sobre o comportamento dos valores domésticos, trabalharam na faixa dos 13,00 centavos de dólar por libra-peso desde a segunda quinzena de janeiro deste ano.

 

No ano passado, em janeiro e fevereiro, o primeiro vencimento na Bolsa de Nova York era negociado em torno de 20,00 centavos de dólar por libra-peso. Esse cenário de queda nos preços do açúcar cristal no spot de São Paulo, por sua vez, já mudou a postura de algumas usinas, que preferem, agora, ficar fora do mercado. Assim, a liquidez está menor. Mesmo com um menor volume de negócios sendo captado, as médias dos preços continuam em queda, uma vez que o mercado spot ficou sujeito à flexibilidade de outras usinas, que cederam à pressão de baixa dos compradores. O Indicador do açúcar cristal CEPEA/ESALQ, cor Icumsa de 130 até 180, registra queda de 2,7% nos últimos sete dias, cotado a R$ 54,71 por saca de 50 Kg. Na Bolsa de Nova York, os preços do açúcar demerara oscilaram  nessa  terça-feira (06/02), o contrato Março/2018 atingiu 14,00 centavos por libra -peso

 

Contudo, os preços não se sustentaram, devido a um movimento de venda das posições. Na sexta-feira (02/02), o mercado voltou a reagir com expectativas de uma menor produção de açúcar na região Centro-Sul do Brasil. As usinas da região Centro-Sul deverão produzir entre 30,5 e 32,4 milhões de toneladas de açúcar na próxima temporada 2018/2019, queda de 10% a 16% em relação ao volume estimado para a temporada 2017/2018. Nos últimos sete dias, o açúcar demerara (contrato Março/2018) registra alta de 2,02% na Bolsa de Nova York, cotado a 13,63 centavos de dólar por libra-peso. Em São Paulo, no atacado, o Indicador de Cristal Empacotado está cotado a R$ 6,73 por saca de 5 Kg, queda de 5% nos últimos sete dias.  Fonte: Cepea. Adaptado por Carlos Cogo Consultoria e Charbel Felipe Silva